16% dos integrantes da Odebrecht Agro são mulheres

Carla Pires, diretora de Sustentabilidade da Odebrecht Agroindustrial, afirma, durante o IV Encontro Cana Substantivo Feminino, que é preciso ter olhar especial sobre aqueles que estão a nossa volta. "Para o negócio dar certo, precisamos cuidar das pessoas, pois eles são os responsáveis para o sucesso da empresa".

Carla comenta que a empresa estimula que os homens das comunidades onde as unidades estão instaladas tragam suas esposas para trabalhar nas usinas. "Isso acaba sendo positivo tanto para a comunidade quanto para a empresa, pois a rotatividade de funcionários será menor".
Segundo ela, a empresa procura ouvir a comunidade para que, em conjunto, sejam definidos quais projetos serão desenvolvidos. "Procuramos criar projetos sociais que, no futuro, serão tocados pela comunidade", diz.
Dentre as vantagens dos projetos já desenvolvidos, destacam-se a identificação de talentos locais, qualificação local, melhoria nos serviços oferecidos, maior confiança da comunidade, redução da desigualdade social e atração de investimentos para a região.

Fonte: Cana Substantivo Feminino