A eficiência da aplicação de inseticidas cortando a soqueira no controle do Sphenophorus levisvoltar

Publicado em : 17/12/2018
A eficiência da aplicação de inseticidas cortando a soqueira no controle do Sphenophorus levis
Comparativo entre modalidades de jato dirigido x corte de soqueiras

Clima quente e chuvoso aumenta a proliferação dessa praga que provoca perdas de aproximadamente 30 toneladas de cana por hectare

Essa primavera quente e chuvosa acelera o ciclo de muitas pragas, dentre elas, o Sphenophoruslevis, que pode ter até seis gerações por ano, com ciclos que variam de 40 a 60 dias. Durante o inverno, este ciclo estica, enquanto que, no verão, ele encurta.

Este inseto está abalando os canaviais da região Centro-Sul, principalmente em São Paulo, provocando perdas de aproximadamente 30 toneladas por hectare ou a renovação precoce do canavial, em muitos casos no segundo corte.

Já as áreas que apresentam uma porcentagem de tocos atacados inferior a 30% não precisam, necessariamente, ir para reforma, mas devem receber um tratamento de soqueira em área total. O ideal neste momento é aplicar o inseticida na modalidade de corte de soqueira.

Esta é uma técnica amplamente defendida no setor. Estudiosos afirmam que a aplicação em jato dirigido (superficial) possui certas vantagens em relação ao corte de soqueira, como ganho logístico e menores custos, porém, sua eficiência de controle é baixa, pois o que torna o corte de soqueira a melhor alternativa é o fato de ser colocado próximo a praga. Existe ainda a questão sustentável, pela menor quantidade de água utilizada na aplicação, que varia de 100 a 150 litros por hectare.

 

Veja grátis mais informações na CanaOnline, a maior plataforma digital de notíciasdo setor sucroenergético. Entre no site www.canaonline.com.br, siga-nos no Facebook, Instagram, Linkedin, Twitter, GPlus. Baixe grátis o APP da CanaOnline e carregue as edições no celular.


Fonte: CanaOnline
  • Imprima
    esse Conteúdo
  • Envie para
    um amigo
  • Compartilhar
    o conteúdo
  •  
  •  
  •  
  •  
  •