Híbrido flex da Toyota carimba o passaporte do etanol rumo à mobilidade elétricavoltar

Publicado em : 14/12/2018
Híbrido flex da Toyota carimba o passaporte do etanol rumo à mobilidade elétrica
Eduardo Leão, diretor Executivo da UNICA, no lançamento do híbrido flex

A Toyota anunciou hoje (13/12), no Palácio do Planalto (Brasília), que produzirá no Brasil o primeiro carro híbrido flex do mundo. A União da Indústria de Cana-de-Açúcar (UNICA), parceira institucional da empresa no projeto, entende a importância do lançamento, que impulsiona a eficiência energética dos motores e a redução de emissões de CO2 com o uso do etanol.

São questões que sempre estiveram na agenda da UNICA quando se discute o futuro da mobilidade urbana considerando a eletrificação mundial da frota veicular. Os motores flex ainda têm muito espaço para avançar no Brasil, um diferencial em relação à outras nações. A produção de etanol ajudará o País no processo de transição para uma economia de baixo carbono.

“Esse projeto da Toyota está muito alinhado com as premissas do Programa RenovaBio e do Rota 2030. Mais recentemente, a UNICA apoiou a emenda para o Rota 2030, proposta pelo deputado Arnaldo Jardim (PPS/SP), presidente da Frente Parlamentar do Setor Sucroenergético, que dará mais valor aos veículos híbridos flex por meio de um diferencial tributário, fator considerado importante para o anúncio de hoje, afirma Elizabeth Farina, presidente da UNICA.

 


Fonte: Unica
  • Imprima
    esse Conteúdo
  • Envie para
    um amigo
  • Compartilhar
    o conteúdo
  •  
  •  
  •  
  •  
  •