Safra 2019/20: moagem de cana chega a 216 mi de toneladas; ATR cai
11-07-2019

Dados divulgados pela Unica hoje (10) apontam que, na segunda quinzena de junho, a moagem de cana-de-açúcar atingiu 46,08 milhões de toneladas, na região Centro-Sul do Brasil, volume um pouco acima das 45,54 milhões de toneladas registradas no mesmo período da safra anterior. No acumulado desde o início da atual safra até 1º de julho, a moagem somou 216,88 milhões de toneladas, quase 40% do esperado para a safra 2019/20 ? queda de 3,02% sobre as 223,65 milhões de toneladas observadas em igual período do ano passado.

No período analisado, a quantidade de Açúcares Totais Recuperáveis (ATR) atingiu 134,50 kg por tonelada de cana-de-açúcar, contra 139,84 kg na mesma quinzena de 2018. No acumulado, quando comparado com safra anterior, há uma queda de 5 kg. No acumulado deste ano, o valor apurado é de 124,08 kg de ATR por tonelada este ano, ante 129,00 kg de ATR por tonelada em 2018/2019.


Açúcar e etanol

Na segunda quinzena de junho houve uma queda de 4,08% na produção de açúcar. Foram fabricadas 2,19 milhões de toneladas, contra 2,29 milhões de toneladas na mesma quinzena de 2018.

A produção de etanol hidratado, no período analisado, atingiu 2,33 bilhões de litros, sendo 814,92 milhões de etanol anidro e 1,52 bilhão de litros de etanol hidratado. De acordo com a Unica, esses resultados evidenciam o mix de produção mais alcooleiro na quinzena ? apenas 37,14% da cana-de-açúcar processada foi direcionada à fabricação de açúcar.

No acumulado da atual safra, a fabricação de açúcar somou 8,91 milhões de toneladas, frente a 9,78 milhões de toneladas em 2018. Já a produção acumulada de etanol totalizou 10,64 bilhões de litros, dos quais 7,40 bilhões de litros de etanol hidratado e 3,23 bilhões de litros de etanol anidro.

?Os números da quinzena retratam a tendência já observada anteriormente, com safra mais alcooleira diante das atuais condições de mercado. Com quase 40% da cana-de-açúcar da safra processada até o momento, já temos uma retração na produção de açúcar de cerca de 900 mil toneladas?, explica Rodrigues. Esta retração representa uma queda de 2,65 kg de açúcar por tonelada de cana processada.

De acordo com a Unica, a produção de etanol de milho alcançou 42,85 milhões de litros nos últimos 15 dias de junho. Mantido o ritmo observado até o momento, a produção final da safra 2019/2020 poderá superar 1,2 bilhão de litros.

Rafaela Giomo
Fonte: Agência UDOP de Notícias