Simulado de incêndio organizado pela Raízen conta com a participação do Corpo de Bombeiro de Jau e SAMU de Jaú

Simulado de incêndio organizado pela Raízen conta com a participação do Corpo de Bombeiro de Jau e SAMU de Jaú

A Raízen, uma das empresas de energia mais competitivas do mundo, organizou no último dia 11 de dezembro (terça-feira) um simulado de segurança. O evento contou com a participação do Corpo de Bombeiros e da Prefeitura de Jaú, por meio da Secretaria de Saúde e do Serviço Móvel de Urgência (SAMU). A iniciativa foi realizada na Raízen Unidade Diamante, localizada no município, e tinha o objetivo de integrar toda a Brigada de Emergência, Gestores da unidade, Corpo de Bombeiro e SAMU, a fim de familiarizar e treinar todos os envolvidos com os testes e o sistema de combate ao incêndio da unidade.

Foi realizado um simulado de incêndio em um tanque de etanol. Houve também uma simulação de resgate de pessoas que estariam afetadas pelas chamas. Foram utilizados veículos de apoio, cinco carros do Corpo de Bombeiros, uma ambulância do SAMU, uma ambulância e dois caminhões tanques da Raizen - Unidade Diamante. Para a segurança de toda a operação, os dois tanques de Etanol adjacentes, ao que foi realizado o simulado, foram resfriados.

"Essa foi uma iniciativa importante para estreitar o relacionamento entre as equipes do município e demonstrar as diversas técnicas e soluções que a Raízen utiliza em todas as 26 unidades produtoras a fim de combater possíveis incêndios. Todas elas contam com infraestrutura pioneira no setor, para proteção dos funcionários e ativos. Os canaviais da companhia são monitorados de forma permanente para prevenção de eventuais incêndios de origem desconhecida ou acidental", afirma Marcos Eduardo Ferreira Marmontel, Gerente Industrial da Raízen.

Ao todo, participaram da atividade: 16 Bombeiros Militares de Jaú, 05 integrantes do SAMU de Jaú; 40 membros da Brigada de Emergência e Bombeiros Civis da Raízen Unidade Diamante; 14 pessoas da unidade em apoio; Gerentes da unidade; 02 Seguranças do Trabalho e 02 Engenheiro de Segurança da Unidade; 01 médicos do Trabalho e 02 Enfermeiros da unidade; 03 funcionários simulando possíveis vítimas. Houve aproximadamente 45 visitantes, entre eles Bombeiros Civis de outras unidades da Raízen. A iniciativa contou com a Supervisão da equipe de SESMT e da área de Projetos Corporativo da Raizen.

Fonte: Assessoria de Imprensa Raízen