Inovações tecnológicas turbinam o “arroz com feijão” na Usina Coruripe

Inovações tecnológicas turbinam o “arroz com feijão” na Usina Coruripe
O trabalho da área coordenada por Vivian Cunha é voltado ao planejamento de todo o processo de produção agrícola. Crédito Usina Coruripe

Vivian Cunha, coord de Planej e Desenv Agrícola do Polo MG da Usina Coruripe, defende unir as boas práticas convencionais com as melhores inovações

Renato Anselmi

As mulheres da cana não estão sendo pioneiras somente na ampliação do espaço feminino em diversas áreas, inclusive nos cargos de liderança, em um setor com amplo predomínio masculino. Elas também desempenham papel importante para que unidades e grupos sucroenergéticos obtenham resultados positivos no processo de produção canavieira.

Exemplo disso é o trabalho desenvolvido pela engenheira agrônoma Vivian Oliveira Cunha, coordenadora de Planejamento e Desenvolvimento Agrícola do Polo Minas Gerais da Usina Coruripe (unidades Carneirinho, Limeira D’Oeste, Iturama e Campo Florido). Adeptas ao arroz com feijão bem-feito, Vivian e equipe não dispensam ingredientes tecnológicos mais sofisticados no manejo da cultura.

Essa mistura do básico com o avançado possibilitou, entre outros resultados, à Usina Coruripe Unidade Iturama a conquista por duas safras consecutivas (2015/16 e 2016/17) do prêmio “Usinas Campeãs de Produtividade Agrícola”, promovido pelo Grupo IDEA, juntamente com o Centro de Tecnologia Canavieira (CTC).

Na última premiação, durante a 19ª edição do Seminário de Mecanização e Produção de Cana-de-Açúcar – realizado em março de 2017 – concorrendo com aproximadamente 190 unidades produtoras que participaram do levantamento, a Iturama conquistou um índice IDEA de 231. Essa unidade do Grupo Tércio Wanderley registrou 104,1 toneladas de cana por hectare (TCH) e ATR de 133,5 kg/ton, com idade média do canavial de 3,7 cortes.

O trabalho da área coordenada por Vivian Cunha é voltado ao planejamento de todo o processo de produção agrícola, incluindo a reforma dos canaviais, alocação de variedades, época de plantio, recomendações de insumos, tratos culturais e outras atividades que envolvem a parte agronômica.

A introdução de algumas práticas nas unidades mineiras da Coruripe está contribuindo para o aumento da produtividade nos canaviais, principalmente nos últimos três anos – destaca. Uma novidade é o uso de um sistema para o controle de pragas que auxilia na tomada de decisões. “Essa tecnologia apresenta bastante eficiência no levantamento das áreas infestadas, criando condições para uma ação mais rápida”, afirma.

Antes da adoção dessa ferramenta, as unidades mineiras do grupo tinham um índice elevado de infestação por broca da cana em suas áreas, o que contribuía para a redução da produtividade agrícola. “O sistema direciona as aplicações com base nas probabilidades. Com isto, foi possível otimizar a mão de obra e ter um controle mais eficiente”, observa.

O monitoramento por imagens de satélite tem ajudado também no gerenciamento dos canaviais, possibilitando a detectar falhas, áreas com maior concentração de plantas daninhas e, principalmente, fornecer informações para que seja feita uma estimativa mais assertiva possível sobre o volume da cana produzido na safra – detalha.

Outra medida que contribuiu para o aumento da produtividade está relacionada às mudanças de manejo de plantas daninhas. O controle passou a ser feito com aplicação de herbicidas seletivos em pré-emergência. “A fitotoxidade da planta causada pela aplicação em pós-emergência reduz a produtividade”, comenta Vivian Cunha.

A usina construiu uma biofábrica de Mudas Pré-Brotadas (MPBs) com capacidade para produzir 22 milhões de unidades por ano “O objetivo é que 100% do plantio pelo sistema de Meiosi seja feito com MPB. A partir de junho estaremos iniciando a utilização desse material que já começou a ser produzido. Com isto, teremos a garantia que está sendo plantada uma muda realmente de qualidade, sem mistura varietal”, enfatiza. Essa medida também vai impactar, de maneira positiva, a performance do canavial.

Veja matéria completa na editoria Capa na revista Digital CanaOnline. No site www.canaonline.com.br você pode visualizar as edições da revista ou baixar grátis o pdf.
Mas se quiser ver a edição com muito mais interatividade ou tê-la à disposição no celular, baixe GRÁTIS o aplicativo CanaOnline para tablets e smartphones - Android ou IOS.

 

Fonte: CanaOnline

  • Envie para
    um amigo
  • Compartilhar
    o conteúdo
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  • CAPTCHA Image
    Refresh Image